OST: Shadow Hearts: Covenant

05/08/2009 às 3:46 PM | Publicado em Papo com o Leitor | Deixe um comentário
Tags: , , , , ,

Continuando a série de OSTs, hoje eu trago:

Shadow Hearts - Covenant OST

Shadow Hearts: Covenant. Esse é um RPG fabuloso lançado para Playstation 2! Quando falamos em RPG, normalmente colocamos os gráficos em último lugar, não é? Favorecendo outros fatores como história e sistema. Mas Shadow Hearts: Covenant tem boa história, bom sistema e bons gráficos! Excelentes gráficos, aliás, comparáveis com os de Final Fantasy X.

A história se passa em uma realidade alternativa do nosso mundo, no ano de 1915, onde monstros, demônios e deuses são existências normais. Você controla Yuri — que é capaz de se transformar em diversas criaturas através de um método de fusão — e seus companheiros numa missão para tentar impedir um homem chamado Nicolai e a facção à qual ele pertence chamada Sapientes Gladio que pretende dominar o mundo através do uso de magia negra. Ah, sim, magia negra, rituais estranhos e fusões e pactos com demônios e anjos caídos são comuns no jogo. Nada recomendado para cristãos hardcore.

Uma coisa legal do game é que você passa por países do nosso mundo, só que isso misturado a eventos sobrenaturais¹. Demônios perambulando pela França? Sim. Moscou quase sendo destruída por um deus malvadão? Com certeza! E, além de países reais, temos também a participação de figuras históricas no jogo, que podem ser aliados, vilões ou simplesmente fazerem pequenas aparições, como Roger Bacon, Grigori Rasputin, O Grande Gama e Yoshiko Kawashima. Funciona mais ou menos assim: Pega-se alguém que existiu de verdade e o coloca como um personagem da história de acordo com uma visão própria dos produtores e de lendas por trás dessa figura histórica. Por exemplo, Grigori Rasputin era visto como algum tipo de místico e havia suspeitas de que ele manipulava a família real da Rússia e utilizava métodos mágicos e tal. Sendo assim, ele é um dos vilões do jogo, e sua magia negra, nele, é real, já que é uma versão do nosso mundo em que a magia existe.

O game possui um clima meio sombrio, mas é repleto de situações comédicas devido aos seus personagens que são alguns dos melhores que já vi, completando-se e contrastando-se ao mesmo tempo. Sua trilha sonora, portanto, pode ser um pouco pesada, às vezes, com ritmos e vozes místicas de mulher como se alguém estivesse realizando rituais de sacrifício ou algo assim. Porém, pesada ou não, é muito bem feita e conta com um time de cinco compositores! Entre eles está o próprio Kenji Ito, de SaGa Frontier, que eu postei anteriormente. Mas a trilha é composta principalmente por Yoshitaka Hirota, que é ajudado por Yasunori Mitsuda (Chrono Trigger, Chrono Cross, Xenogears), Kenji Ito, Tomoko Kobayashi e Ryo Fukuda.

¹ Em Shadow Hearts: From the New World, jogo seguinte ao Covenant, você passa pelo Brasil, mais especificamente no Rio de Janeiro. Dá até pra subir na favela onde se consegue uma arma mais forte para um dos personagens (não é arma de fogo, não…). Tem até um campinho de futebol de terra. Os produtores fizeram uma boa pesquisa.

Opções para download:

Megaupload
File Factory
SendSpace

——————————

A trilha por Yokuo:

Minhas faixas prediletas: “Old Smudged Map ~ Map of Europe”, “Vicious 1915 ~ Battle in Europe”, “Town of Twilight ~ European Town”, “Dear, my Dressmaker ~ The Tailor”, “The Name’s Grand Papillon!! ~ Pro-Wrestler”, “Call Back From Jesus -Mysterious Monastery- ~ Underground Ruins”, “Anastasia -Going Her Way- ~ The Imperial Princess’s Adventure”, “Astaroth ~ Battle with The Fallen Angel”, “Result ~ Victory”, “Love Moon Flower ~ Ending”.

Anúncios

OST: SaGa Frontier

03/08/2009 às 9:49 PM | Publicado em Papo com o Leitor | 4 Comentários
Tags: , , , , , ,

Oi, gente! Venho trazendo a segunda trilha sonora da minha lista!

SaGa Frontier OST

Hoje a OST é de um game pouco conhecido. Trata-se de SaGa Frontier. O RPG possui um estilo diferente da maioria, com vários personagens dentre os quais pode-se escolher para que sejam seu protagonista e seguindo uma linha de eventos nada linear e que te dá extrema liberdade para fazer o que quiser e ir aonde quiser. Além disso, a dificuldade é grande, podendo-se deparar-se com inimigos fortes já nas áreas iniciais do jogo, o que aumenta o fator da imprevisibilidade. O sistema de batalha também é interessante, não te dando levels conforme for ganhando experiência, e sim aumentando os atributos dos personagens diretamente a cada batalha, dependendo das ações dele/dela. Novas habilidades são aprendidas mais no fator sorte, com você mandando o personagem atacar com uma habilidade que já possui e, às vezes, um bulbo de luz surge sobre a cabeça dele e ele irá utilizar uma nova técnica, e você a terá aprendido.

É do tipo de jogo que ou você ama ou odeia. Vale a pena experimentar e ver se você pode ser do tipo que ama, senão pode perder uma grande oportunidade.

Talvez alguém tenha reparado no nome e, sim, tem ligação com os jogos Romancing SaGa para Super Nintendo. E o estilo é muito parecido.

Composta por Kenji Ito, um veterano dos jogos da série SaGa, a trilha é uma raridade para se ter em sua coleção!

Download dos CDs 1 e 2 da OST: AQUI
Download do CD 3 da OST: AQUI

——————————

A trilha por Yokuo:

Definitivamente um conjunto de músicas bastante simples, porém charmosas. O jogo não exige músicas mais elaboradas, elas se encaixam perfeitamente sendo simples como são.

Talvez a minha faixa preferida seja a Owmi — tocada em uma cidade bem legal do jogo —, pois, por algum motivo, ela é absurdamente nostálgica e, chamem-me de maluco, mas, me faz lembrar de momentos muito bons de quando eu era mais novo.

Outras preferidas minhas incluem: Sunset Town, To The New Land, Victory, Cygnus Theme, Baccarat, NEXT e A Blue Town.

Eu lembro que há duas músicas no jogo que não estão na OST, e elas são uma que toca quando se vai de Owmi até Nelson e a outra a música que toca em Nelson. No entanto, é assim mesmo, elas não estão oficialmente na OST. Uma pena, as duas são muito legais, especialmente a de Nelson que é um jazzinho esperto!

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.